Remoção de granuloma labial causado por injeção de ácido hialurônico: relato de caso clínico

Remoção de granuloma labial causado por injeção de ácido hialurônico: relato de caso clínico

Compartilhar

Artigo apresenta a técnica para remoção de granuloma labial, com agulha hipodérmica, causados pela injeção de ácido hialurônico.

 

AUTORES

Marcia Viotti
Especialista em Dentística – UCCB; Anatomista – Marc, Instituto Altamiro Flavio.

Luiz Barbosa
Clínico geral – Umesp; Aluno do curso de especialização em Implantodontia – BEO; Habilitado em Toxina e Preenchimento – Marc; Professor assistente de Cursos Livres de Imersão em Visagismo e Harmonização Orofacial.

Roger Kirschner
Mestre em Prótese e Especialista em Periodontia – São Leopoldo Mandic; Especialista em Implantodontia – FMU; MBA em Visagismo – Estácio; Professor de Imersão em Harmonização Orofacial – Grupo Visagismo Orofacial.
Orcid: 0000-0002-9589-6094.

Maristela Maia Lobo
Doutora em Dentística e Mestre em Cariologia – Unicamp; Especialista em Periodontia – EAP/APCD; Professora Horista dos cursos de pós-graduação em Odontologia Estética e Especialização em Implantodontia – Centro Universitário Senac.
Orcid: 0000-0003-0595-8851.


RESUMO

O ácido hialurônico (AH) injetável tem sido considerado a melhor opção como preenchedor nos tratamentos cutâneos da face nos últimos tempos, pois apresenta baixo risco de efeitos colaterais, excelentes resultados estéticos e boa relação custo-benefício. Seus resultados se devem ao fato de ser um polissacarídeo natural; importante elemento estrutural da pele, subcutâneo, tecido conjuntivo e líquido sinovial. O AH é considerado uma substância idêntica em todos os seres vivos, devolve volume aos tecidos suavizando rugas e alterações do relevo cutâneo. Mesmo assim, apresenta casos de efeitos colaterais relatados com frequência por alguns produtos, cabendo, portanto, ao aplicador avaliar o risco no momento da aquisição deles. Entre os efeitos colaterais de longo prazo, as reações granulomatosas são as mais temidas. O objetivo deste trabalho foi apresentar a técnica para remoção de granuloma labial, com agulha hipodérmica, causados pela injeção de AH.

Palavras-chave – Ácido hialurônico; Granuloma labial; Efeitos colaterais; Preenchedores; Injeções subcutâneas.

ABSTRACT

The injectable hyaluronic acid (HA) has been considered the best option as fillers in skin treatments in the past, because it presents low risk of side effects, excellent aesthetic results and good cost-benefit ratio. The results are due to the fact that it is a natural polysaccharide, important structural element of the skin, subcutaneous, connective tissue and synovial fluid. The HA is considered an identical substance in all living beings, restores volume to tissues, softening wrinkles and changes in cutaneous relief. Nevertheless, it still presents frequently reported cases of side effects by some products, it is up to the applier to evaluate the risk at the moment that they are acquiring these products. Among the long-term side effects, the granulomatous reaction is the most feared. The purpose of the work was to present the technique for removal of lip granulomas with hypodermic needle, caused by the injection of HA.

Keywords – Hyaluronic acid; Granuloma; Side effects; Dermal fillers; Subcutaneous injections.

Recebido em nov/2018
Aprovado em nov/2018

Acesse a lista com todos os artigos científicos já publicados na revista FACE. 

Confira o artigo na íntegra: